Acompanhe:
Categoria:

Organização

    Organização

    Está tudo bem errar no planner

    Nesta de planner, bullet journal… Organização e planejamento no geral que invadiu o Brasil e nossas redes sociais este ano, muita gente anda se iludindo.

    Digo isso porque surgiram vários feeds perfeitos, com decorações incríveis no planner ou no bujo, que são feitos para inspiração e não neura. Desde que uso planner, acontece um ciclo: a pessoa compra pela beleza ou porque quer um igual a X, não fica igual… Usa algumas semanas e deixa de lado, daí surge um monte de desapegos nos grupos de vendas e muita das vezes, não conseguem vender porque é um produto personalizado.

    Está tudo bem querer tem o planner mais lindo, decorado de todos e servir de inspiração pra outras pessoas, mas lembre-se que o foco ainda é o planejamento. Digo isso, está tudo bem errar no planner.

    Se as linhas ficarem tortas, se você escreveu a caneta onde não queria, uma tarefa no dia errado… Isso acontece e acontece muito mais do que você pensa. Esses dias mesmo, vi um BuJo muito lindo de uma moça que disse:

    Não pensem que está perfeito porque tem corretivo em todas as páginas, mas o importante é que funciona pra mim.

    Eu sei que da uma agonia quando você erra, mas existem algumas soluções para deixar tudo bonitinho:

    • Corretivo líquido: o tradicional “branquinho”. O problema dele é que dependendo da cor da sua página, fica super destacado e não fica legal; algumas marcas ficam descascando ou enrugam a página. Não é o melhor favorito.
    • Corretivo em fita: funciona como a versão líquida só que é muito mais prático e você consegue escrever por cima de boas.
    • Um traço por cima: um risco em cima da palavra ou da frase, continue escrevendo como se nada tivesse acontecido… Segue a vida.
    • Cole uma decoração: eu faço muito isso quando erro! Colo um adesivo se o erro for pequeno ou um pedacinho de washitape ou um post-it. Deixa o planner decoradinho e esconde o erro.
    • Use lápis: é o método mais usado no bullet journal. Faça tudo á lápis primeiro, depois use as canetas que quiser por cima. Não esqueça de usar régua para linhas de guia. O problema de fazer tudo à lápis, é ter que fazer tudo duas vezes, porque não ser tão prático, vai de você!

    O primodial aqui é entender que mesmo que você errar um pouquinho, você pode corrigir ou disfarçar e continuar se planejando. Se for muito ruim se entender com essas falhas, você pode escolher um tipo de planner que da pra acrescentar e tirar as páginas que quiser, como os argolados ou de disco.

    Compartilha comigo nos comentários o que você faz quando erra no seu planner ou BuJo?

    Beijão


    Compartilhe:
    Comente: