Acompanhe:
Viagens

Melhor época pra visitar Campos do Jordão

Passei a temporada de férias de inverno em Julho, visitando Campos do Jordão. No auge da temporada, a cidade chega a receber 600 mil visitantes! Então nesta época, tudo está cheio e caro. Os pontos turísticos, os restaurantes e os hotéis ficam lotados, logo pra aproveitar o frio da Serra da Mantiqueira tem que ter paciência.

Leia também: Viajando para Campos do Jordão no inverno

Mas voltei à cidade na época das festas de fim de ano e descobri a melhor época pra visitar Campos do Jordão. Se você quer curtir as férias e conhecer Campos, prefira dezembro do que julho.

Não se engane, a cidade ainda está cheia! Mas nem se compara com o meio do ano. E com o clima ameno da montanha, as temperaturas não passam da média de 26~28ºC. Em pleno verão durante a última semana do ano, eu estava de blusa curtindo o friozinho de 13ºC da cidade.

Cidade vazia mesmo só em baixa temporada, fora das férias. Mas em dezembro, você encontra fondue, massas e os chocolates famosos da região… Também encontra roupas de inverno com um preço bem bacana pra aproveitar e visita os pontos turísticos sem filas enormes num frio de bater o queixo.

Leia também: 3 Pontos turísticos de Campos do Jordão para conhecer (ou não)

A melhor parte da minha viagem de fim de ano pra Campos do Jordão, além de poder ficar juntinho com o namorado, a família e um bom vinho, foi apreciar a decoração natalina da cidade. Além de cantadas, show’s e eventos culturais, é sempre juntinho das decorações gigantes e cheias de luzes, que juntam os turistas pra tirar fotos e registrar a viagem.

Na virada do ano, teve show na Praça Capivari, centro turistico da cidade, que reuniu milhares de moradores e visitantes, com direito à show de fogos de artificio sem som (os bichinhos agradecem). Só que sem multidão, muvuca, aquela bagunça comum de muita gente tumultuada. Na praça tinha famílias, jovens, gente com bebê de colo, pessoas com seus cachorros (abraçei todos)… Foi super tranquilo, apesar da banda estar bem ruinzinha.

Então, se você sempre sonhou em conhecer e aproveitar Campos do Jordão, a melhor época pra visitar é no final do ano, se não é um incomodo pra você, uma cidade lotada… No inverno, você aproveita a cidade no seu auge com aquele frio de lascar.

Mozão no Pico do Itapeva

Fica o destaque pra você aproveitar a temperatura gostosa de fim de ano e conhecer o Pico do Itapeva, um ponto à a 2.030 metros de altitude, sendo possível avistar 15 cidades, todas da região do Vale do Paraíba. Me senti no topo do mundo e emocionada com a vista perfeita da mãe natureza 💚

Pico do Itapeva


Compartilhe:
Comente:
Post Anterior Próximo Post

Você também pode gostar de:

6 Comentários

  • Responder Lívia Madeira

    nossa, campos é msm super gostoso! tinha uma época que eu e minha família fazíamos bate e volta pra lá td ano. com certeza essa época fora da temporada de inverno dá pra aproveitar ainda melhor a cidade

    http://www.tofucolorido.com.br
    http://www.facebook.com/blogtofucolorido

    08.01.2018 às 11:17
    • Responder Stephanie Ferreira

      Sim, é uma cidade gostosa no inverno mas muito cheia, melhor coisa é aproveitar fora de temporada

      09.01.2018 às 13:25
  • Responder VANESSA BRUNT

    AAAAAAAAAA! Socorro! Sonho em ir para Gramado e saber mais sobre esse seu mergulho em Campos só fez aumentar o desejo, mas senti que deu uma realizada leve também, porque fui um pouquinho com você através dos detalhes e das fotocas. E quantos cliques lindos e intensos! Tô aqui imaginando o friozão! Adorei as dicas.

    http://www.semquases.com

    08.01.2018 às 11:29
  • Responder Anny

    Adoro Campos, mas confesso que sempre vou no inverno. E é verdade, como fica caro as coisas la nessa época.

    10.01.2018 às 08:44
  • Responder Bru Santos

    Sou doida pra conhecer Campos do Jordão, já estou até me planejando pra ir esse ano. Adorei saber que no fim do ano é menos cheio e ainda bom de conhecer!!

    Beijinhos 🙂

    Bru Santos ❤

    http://www.queseame.com

    12.01.2018 às 12:41
  • Deixe uma Resposta